Amo Jones - Sicko

em domingo, 13 de dezembro de 2020

>Ele era meu irmão adotivo. Ele jurou me proteger. Ele falhou. Todos eles falharam. Sou uma caixa aberta de fotografias antigas, tiradas à luz etérea do dia, mas filtradas em sépia. Eu sou o passado que ele tentou esquecer; ele era o futuro que eu precisava. Quando ele foi embora há quatro anos, eu gritei por ele todas as noites. Mas então, tudo parou. Meus gritos foram repentinamente abafados pela crueldade e ainda mais estimulados pela dor. Mas ele voltou. Ele não é o irmão mais velho bonito por quem eu tive uma paixão secreta, nem o bad boy, o garoto rico que eu odiava amar. Na verdade, ele é o implacável vice-presidente da Wolf Pack MC, e não atende mais à Royce Kane. Ele responde a Sicko.

Nenhum comentário:

Postar um comentário