Roxy Gray - Douchebag Doctor

em sábado, 13 de junho de 2020




Eu não tenho encontros. Eu não tenho paixões. Eu não durmo com médicos rudes. Qual é uma mentira? Acontece que são todos os três. O médico entrou no estúdio de ioga, antes de qualquer um dos outros chegar. "Ei, você de novo." “Oh. Oi” - disse Michelle. "Então, eu queria perguntar uma coisa." "OK." "Você gostaria de sair para jantar amanhã?" O coração de Michelle disparou. Os olhos dela encontraram os do médico. Eles eram castanhos claros, como caramelo doce. O olhar dela ficou mais baixo, sobre os braços dele. Muscular, mas magro. Veias pequenas se projetavam nas laterais. Ela observou quando a mão dele roçou a dela gentilmente, deixando faíscas. "Certo. Eu realmente gostaria disso.” Os outros alunos começaram a entrar na sala. Michelle se virou. O médico se inclinou para sussurrar algo em seu ouvido. "Talvez eu consiga arruinar sua calça dessa vez." Ele sorriu. Michelle lutou contra a vontade de rir. "Duvidoso. Eu nem te conheço.” Um sorriso tomou conta da boca do médico. A voz dele vibrou pelo ouvido dela, sacudindo seu sotaque britânico nela: "Eu acho que você conhece. E acho que você sabe o que acontece a seguir.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário