Série Cavaleiros da Normandia

em domingo, 16 de fevereiro de 2020




SINOPSE:

No Ano do Nosso Senhor de 1071 – o rebelde saxão, Hereward the Wake está, mais uma vez, criando problemas para o novo rei da Inglaterra, Guilherme, o Conquistador. Enviando um exército para a ilha de Ely, o rei busca sua rendição. Elvina, filha de Hereward, odeia os normandos com tanta paixão quanto o pai. Presa na abadia da ilha, o abade pede que ela saia para sua própria segurança antes que os normandos invadam. Seguindo o seu conselho ela tenta fugir, mas é rapidamente capturada pelo cavaleiro experiente, Sir Arthur de Clairvoy, e levada sob custódia. Contra seus desejos, o rei ordena imediatamente que a agressiva Elvina se case com Arthur, a fim de manter a paz entre seu pai e a coroa. Elvina odeia tudo o que os normandos conquistadores representam, mas não pode negar a atração que sente por seu novo marido. Mas, quando sua natureza rebelde leva a melhor sobre ela, logo descobre que seu marido dominante usa o mesmo método de disciplina que seus irmãos, uma surra. Ela pode aceitar seu destino e aprender a amar seu marido normando? 

SINOPSE:

O ano de nosso Senhor, 1072 Sir Gerard, o primogênito dos três irmãos de Clairvoy, é casado com Elfreda Golderon, uma linda garota saxônica de cabelos loiros. Mais equilibrada do que sua irmã mais nova e sua cunhada, Elfreda, a irmã "sensata", por vezes desperta a ira do marido se metendo em apuros e assim termina sobre os joelhos dele. Elfreda ama o marido e faz o possível para se comportar, mas, por causa de certas circunstâncias, às vezes desrespeita as regras dele -mesmo que nem sempre seja exatamente sua culpa. Ainda que saiba que ele irá discipliná-la, ela acaba desobedecendo-o. Gerard nunca foi tão feliz. Está casado com a bela Elfreda, tem o dever de defender seu castelo normando contra os rebeldes saxões e proteger a mulher que intimamente ama - mesmo que sua proteção signifique estapear seu traseiro desobediente para mantê-la em segurança.

Para baixar clique na capa

Nenhum comentário:

Postar um comentário