Jenika Snow - Venom's Revenge - Série Ruthless Rejects MC 01

em quarta-feira, 5 de dezembro de 2018


Sinopse: 

Rebekah

Eu era chamada de lixo por aqueles que me conheciam, o produto de uma noite de bebedeira, uma gravidez acidental pelos dois que eu chamava de mãe e pai. 
Eu poderia nunca ter a chance de sair do trailer que chamava de lar, nunca ter uma vida fora das velhas paredes do meu quarto, ou do colchão manchado em que eu dormia. Mas tanto quanto o mundo tentou me arrastar para o fundo do poço, eu sabia de uma coisa. 
Eu tinha sonhos, esperanças e ambições. 
Um dia, eu estaria livre da escuridão que se agarrava a mim como uma segunda pele. 
E então eu decidi dizer foda-se tudo e deixar a decadência para trás. 
Mas antes que eu pudesse escapar, fui sequestrada, jogada na traseira de uma van, e me foi dito que o inferno estava esperando por mim. 
E parecia que o próprio diabo tinha planos para mim. 

Venom

The Ruthless Rejects MC. 
Bastardos. 
Selvagens. 
Criminosos.
Nós não éramos homens bons, vivíamos do lado errado da lei, mas juntos nos tornamos uma irmandade, uma família. 
Nós abraçamos o fato de sermos sujos e perigosos. 
E mesmo que nossa família tivesse sangue nas mãos e violência nas veias, nós éramos unidos e sempre cobriríamos as costas um do outro. 
Eu não era um daqueles homens incompreendidos que não conseguiam processar o que aconteceu com eles quando estavam crescendo. 
Não, eu abracei a escuridão, deixei que me consumisse, que mudasse quem eu era. 
Agora eu era tão mal quanto o próprio diabo. 
E eu ia usar isso a meu favor para me vingar, para fazer o homem que machucou a única pessoa com quem eu alguma vez me importei, sentir aquela dor dez vezes mais. 
Ele matou minha irmã, tirou de mim a única luz para a minha escuridão. 
Então eu ia tirar dele o que ele amava. 
Eu iria me vingar através de sua filha de dezoito anos. 
Eu irei fazê-la cair na mesma escuridão que me engoliu desde o começo. 
Eu irei fazê-la se curvar à minha vontade, pagar dez vezes pelos pecados do pai dela. 
Ela deveria ser um meio para um fim, a vingança de que eu precisava para me sentir completo mais uma vez. 
Eu deveria usá-la e descartá-la como o que tinha sido feito com a minha irmã. Mas o que eu percebi foi que ela era mais que isso. 
Rebekah era minha.

2 comentários: